SEBRAE E ACRIPAR “Peixe de Rondônia” projetado para os 52 municípios de Rondônia

0
432

Com condições favoráveis para a criação de peixe de cultivo em seus 52 municípios, Rondônia projeta-se com um futuro promissor na piscicultura, com destaque para a produção de tambaqui e do pirarucu, peixes nativos da bacia amazônica e de sabor incomparável. Esse cenário ganha ainda mais força com a aliança realizada entre o Sebrae e a Associação dos Criadores de Peixes de Rondônia (ACRIPAR), que juntos vão potencializar as ações do projeto “Peixe de Rondônia”.

A proposta dessa parceria é levar conhecimento, consultorias, treinamentos e viabilizar a piscicultura em todos os municípios rondonienses, garantindo condições mínimas para a produção com qualidade, além de abrir mercados consumidores.

PROTOCOLO DO TAMBAQUI

Responsável por boa parte das mais de 90 mil toneladas do peixe de cultivo do estado, o Tambaqui recebeu atenção especial nesta reunião. Uma das metas do grupo é criar um protocolo de produção desta espécie. “Isso vai garantir qualidade da nossa produção em qualquer município de Rondônia, pois basta seguir o protocolo para que o piscicultor tenha resultados positivos”, afirma Francisco Hidalgo Farina, presidente da ACRIPAR.

GEORREFERENCIAMENTO

Outra necessidade da piscicultura de Rondônia é o georreferenciamento. Para esta demanda, articula-se ações que envolvam os produtores e o poder público. Com o atendimento desta necessidade, os piscicultores vão ganhar ainda mais credibilidade e poderão articular melhor suas estratégias de mercado.

AÇÕES EFETIVAS

Como resultado da reunião entre ACRIPAR  e Sebrae, projeta-se a realização de feiras de negócios; fóruns de discussão com profissionais renomados; encontros no modelo de dia-de-campo; além da representatividade deste segmento na Câmara Setorial da Piscicultura de Rondônia; na Câmara Setorial do Pescado da Confederação Nacional de Agricultura e demais conselhos. “São ações que em curto prazo já estão auxiliando os produtores de peixe e a nossa economia. A médio e longo prazo estamos trabalhando para tornar Rondônia em uma referência deste segmento”, finaliza o diretor técnico do Sebrae, Samuel Almeida.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here